Tempodofim.com.br

Profecias para o tempo do fim



Foi Samuel ou um Demônio?


Este é o texto mais polêmico da Bíblia Sagrada. E não deveria ser.

O TEXTO BÍBLICO (1Sm 28)

1 - Fatos semelhantes que me ocorreram.

1.1 - Uns três anos antes de me converter, fui a uma cartomante, ela botou cartas para mim e ao findar a “conversa”, me disse: “Você vai trabalhar para o Homem de Branco”. (Dn 7.9) Eu perguntei: “quem é este homem de branco?” Ela respondeu: “Jesus é o Homem de Branco”. Até então, eu não sabia que Jesus tinha este nome.

1.2 - Isto aconteceu em Valparaízo I-GO em 1990, ela morava na minha rua. Em sua casa havia centenas de velas e imagens, era um “centro espírita”.

1.3 - Foi Deus quem falou pela boca daquela mulher.  Eu explico.

1.4 - Deus pode todas as coisas. Ele  não está limitado aos conceitos e padrões humanos. Ao falar pela boca da cartomante, Ele estava trabalhando para que eu me convertesse. É por isto que eu gosto tanto do SENHOR, Ele se esforça pelo nosso bem. Deus não quer saber de quem é a boca. Isto apenas demonstra a soberania de Deus. O que Ele quer, é ser glorificado. Se não tem limpo, vai sujo mesmo, depois se limpa. Se não tem gente, vai mula. (Nm 22) Se não tem crente, vai pedra. (Lc 19.40). Liga, liga, liga, porque aqui o mistério é profundo:  Pedras são frias e desprovidas de vida. São mortas. Fantoches.

1.5 - “Porque Deus é o quem opera em vós tanto o querer como o efetuar, segundo a sua boa vontade.” Filipenses 2.13

1.6 - Outra vez, antes da minha conversão, eu estava bebendo cerveja e fumando cigarros em um bar numa avenida, em Taguatinga-DF, entrou uma moça vestindo uma bermuda de calça cortada, à meia coxa, de blusinha de alças, e com o dedo em riste, na minha cara, disse: “Homem, escuta homem, tu vai ser feliz, eu vou te fazer um dos homens mais felizes da terra.” E logo foi embora.

1.7 - Novamente foi Deus quem falou pela boca desta outra mulher.

1.8 - Aos olhos humanos, pode parecer que aquela mulher estava se insinuando para mim. Naquele momento, eu senti que havia algo de sobrenatural naquilo. Era forte demais para ser apenas uma mulher jovem falando. Havia um poder que mexia com o meu ser.

1.9 - Quando o resultado da obra glorifica a Deus, então é Deus quem está trabalhando.

1.10 - Quando o resultado da obra glorifica aos homens ou o bolso deles ou aos demônios, então é o Diabo quem está trabalhando.

2 - Minha experiência com o texto.

2.1 - Quando eu li o texto da pitonisa de En-Dor (1Sm 28) pela primeira vez, (mar 93) eu tinha uns três meses de convertido, (jan 93) já conhecia o Novo Testamento, porque quando converti, já estava estudando o Novo Testamento a uns seis meses. Então já entendia a lógica do raciocínio do Espírito Santo, se é que Deus tem lógica. Mas eu “comia” Bíblia, noite e dia.

2.2 - Ao ler, fiquei zonzo, porque o meu espírito [e o texto] me diziam: foi Samuel, e a minha lógica formal baseada na tradição dos homens, me dizia: foi um demônio. A questão era: Todos dizem que espíritos não podem voltar à terra depois que morremos, e agora me aparece este texto na própria Bíblia dizendo o contrário. Como explicar isto?

2.3 - Corri na Igreja que congregava, e perguntei ao Pastor, se era um demônio ou era o próprio Samuel? Ele respondeu categoricamente: Era um demônio! Não satisfeito, e convicto que ele estava errado, fui num outro Pastor mais jovem e perguntei: Pastor, era um demônio ou era Samuel? Ele disse: O que você acha? Eu disse: Acho que era Samuel! Ele respondeu: Então, para você, era Samuel, e ponto final! Eu lhe respondi. Negativo, quero saber a sua resposta! Ele disse: Há passagens na bíblia que são muito polêmicas, esta é uma delas, não se pode fazer afirmações!

2.4 - Voltei para casa na dúvida, porque, na verdade, eu estava procurando alguém para concordar comigo  que era Samuel e não um demônio.

2.5 - Continuei procurando por longos anos, mas todos que eu consultava me diziam: Era um demônio! E eu nunca me convenci. Encontrei outras passagens polêmicas da Bíblia, estudei e cheguei a conclusões semelhantes a dos meus colegas Pastores, mas esta, estava “encruada”.

2.6 - Voltei a estudar esta passagem muitas vezes, e nunca aceitava a tese dos meus colegas, sempre achava que era Samuel. Sempre o meu espírito esteve completamente satisfeito com a idéia de que era Samuel, mas não encontrava ninguém para concordar comigo. Era isto que me torturava, eu me sentia sozinho nesta tese.

2.7 - Felizmente, e para o meu consolo, surgiu a Internet, e com ela, dezenas de páginas que concordam com o meu ponto de vista. Às vezes penso que Deus me chamou para remar rio acima, mas não é. O discordar faz parte do crescer.

2.8 - Na verdade, eu não tinha nenhum argumento forte e nem saberia provar para ninguém que tinha sido Samuel e não um demônio, e nem argumentava isto, quando o assunto surgia, eu dizia: para mim foi Samuel, porque Deus faz o que quer, e Ele fez isto para repreender a Saul pela boca do profeta que ele não obedeceu quando o profeta estava vivo.

3 - Minha tese acerca do texto.

3.1 - Com o passar do tempo percebi que o texto é cristalino. O tempo todo denota claramente que foi Samuel e não demônio. É apenas mais um texto onde Deus está agindo de forma contrária ao pensar humano, onde fica patente a soberania de Deus.

3.2 - Hoje, dezessete anos depois, mais maduro, mais trabalhado por Deus, eu tenho um argumento infalível, e só questiona com este argumento quem quiser.

3.3 -Ora, Samuel nunca mais viu a Saul até o dia da sua morte...” (1Sm 15.35)

3.4 - Alguém dirá: está escrito: viu. E não, verá. Eu respondo: Para Deus é assim mesmo... É preciso um pouco de fé para poder "ver" Deus operando.

3.5 - Isto foi escrito muito antes do episódio da pitonisa de En-Dor, para sacramentar que Deus ia trazer o espírito de Samuel do Ades para repreender a Saul, aliás, Deus faz qualquer coisa para repreender alguém que esteja precisando. Porque a essência do Evangelho é o amor e a justiça divina.

3.6 - Até acho que o melhor deste texto é: “Ouça a palavra de amor dos vivos[santos], se não terá que ouvir a palavra de repreensão dos mortos. [Fantoches]”. Aí vem um diz: "Tá vendo!!! Foi um fantoche, demônio!!! Calma, digo eu.

Topo

 

3.7 - Eis a profecia:  

3.8 - “E o Senhor entregará também a Israel contigo na mão dos filisteus. Amanhã tu e teus filhos estareis comigo, e o Senhor entregará o arraial de Israel na mão dos filisteus.” 1Sm 28.19

4 - Os que defendem a tese de demônio dizem:

4.1 - A profecia não se cumpriu: Errado, a profecia de Samuel pós-morte se cumpriu integralmente, suas palavras não caíram por terra (1Sm 3.19) nem mesmo depois de morto.

4.2 - Ela profetizou para o dia seguinte, [amanhã] e só aconteceu dezoito dias depois. Para Deus isto é “amanhã”. Todos que somos espirituais sabemos muito bem disto. Amanhã, na Bíblia, normalmente quer dizer: "futuro próximo".

4.3 - A batalha não foi contra os Filisteus. Errado, foram eles sim. (1Sm 31.1)

4.4 - Não foram os Filisteus que mataram a Saul, ele cometeu suicídio. Errado, existem dois textos um diz que os filisteus flecharam a Saul, e ele, agonizando, se lançou sobre a sua própria espada e, (1Sm 31.3-5), no outro texto, um amalequita diz: matei Saul, e Davi manda matá-lo porque matou o ungido de Deus. (2Sm 1-5-15).

4.4.1 - Tanto num caso como no outro, foram os filisteus. Se Saul se lançou sobre a sua própria espada, certamente morreria com os ferimentos causados pelas flechas dos filisteus, na segunda história ele é morto por um amalequita que lutavam juntos com os filisteus, (2Sm 1.8) portanto, foram os filisteus que mataram Saul.

4.4.2 - "...porque bem sabia eu que ele não viveria depois de ter caído..." (2Sm 1.10)

4.5 - Os filhos de Saul não morreram com ele. Errado, morreram os três filhos de Saul com ele,(1Sm 31.8) isto é o bastante para preencher a revelação, que diz: “teus filhos...” Ou será que queriam que morressem também as duas filhas: Mical e Merabe? Há sim, tem mais um: Is-Bosete, assassinado em 2Sm 4.8.

4.6 - Saul e seus filhos não foram para onde Samuel estava, foram para o inferno. Errado. A expressão: "estareis comigo", quer dizer: "morrerão". Estariam no pós-vida eternamente.

4.7 - Por fim perguntam: E o zelo de Deus onde fica? E eu respondo e a SOBERANIA de Deus onde fica? E concluo dizendo, a profecia e o seu cumprimento glorificaram a Deus, portanto foi coisa de Deus, arrumada, planejada, arquitetada estrategicamente por Ele.

4.7 - Como se sabe: A misericórdia sempre triunfa sobre o juízo. (Tg 2.13)

5 - Conclusão

 5.1 - A profecia se cumpriu integralmente, morreram Saul e os três filhos durante a batalha contra os filisteus no monte Gilboa, foi uma guerra horrível, não escapou quase ninguém de Israel, alguns se esconderam nos buracos e nas cavernas para não morrerem.

5.2 - E os filisteus apertaram com Saul e seus filhos, e mataram a Jônatas, a Abinadabe e a Malquisua, filhos de Saul.” (1Sm 31.2).

5.3 - “...onde os filisteus os tinham pendurado quando mataram a Saul em Gilboa”. (2Sm 21.12)

5.4 - “No dia seguinte, quando os filisteus vieram para despojar os mortos, acharam Saul e seus três filhos estirados no monte Gilboa.” (1Sm 31.8)

5.5 - Se os espíritas usam o texto para afirmar que os mortos voltam a viver em outros corpos, que falem o que quiserem, nem por isto, vamos torcer a Palavra para que outros não a distorçam. Esta arte de torcer e distorcer a Palavra é antiga, ela começou em (Gn 3). Quem consegue impedir o Diabo de trabalhar? Só Deus.

5.6 - Eu afirmo, sem a menor sombra de dúvida, desde a primeira leitura até hoje, nunca tive nenhuma dúvida:

5.7 - FOI SAMUEL QUEM APARECEU PARA SAUL EM (1Sm 28).

5.8 - Mexer nas passagens anteriores ou posteriores para fundamentar nossa tese, é perda de tempo, ou o leitor acredita ou não acredita. Quanto mais floríamos a nossa explicação com o grego original ou extensas explicações, é perda de tempo, quem convence é o ESPÍRITO SANTO. Mas só convence se a pessoa se deixar trabalhar por Ele humildemente.

6 - Últimas Considerações de fatos extra-bíblicos

6.1 - Um dos melhores e mais respeitados comentaristas bíblicos de todos os tempos de Matthew Henry, [você conhece?]diz:

6.2 -"Tudo mostra que não foi uma fraude, um truque humano... A surpresa e o terror da mulher provaram que esta era uma aparição inesperada e não costumeira... Será que Deus, permitiria que a alma de seu profeta, que já partira, aparecesse a Saul, para confirmar a sentença divina anterior, e proclamar a sua condenação? A expressão: Amanhã tu e teus filhos estareis comigo, significa que estariam no mundo eterno..." Comentário Bíblico de Matthew Henry, CPAD, pg 257. 5ª. Edição, 2006.

6.3 - É como se ele dissesse: “Prestem atenção, eu não posso afirmar categoricamente que foi Samuel, porque o texto é polêmico e eu quero que o meu comentário seja bem recebido por todos inclusive pelos que acham que foi um demônio, mas por favor, prestem atenção.”

6.4 - A profecia de Samuel pós-morte, continua sendo a palavra típica de um profeta de Deus: julgamento para quem não quis se consertar a tempo.

6.5 - Deus é assim mesmo, horas age no padrão, horas age de forma totalmente inesperada. E quando o homem estabelece um padrão para o agir de Deus, fica com a mente fechada e não vê.

6.6 - Atualmente, 2009, existem vários trabalhos de outros que entenderam o profundo de Deus neste texto. Para pesquisar mais digite no Google: Samuel ou demônio?

6.7 - Quero salientar, que, pelo contexto bíblico [toda Bíblia] indica ter sido um demônio, mas há casos em que Deus abre uma exceção e faz algo estranho e inusitado. E que, nunca se deve ir ao espiritismo ou centros de macumba ouvir recado de Deus, porque certamente você irá conversar com um demônio, e será enganado. É preciso humildade para assimilar este conceito, porque parece contradição. Deus falou comigo pela boca da linda macumbeira, porque eu estava na inocencia. Hoje!!! seria bem diferente.

http://www.hermeneutica.com/estudos/1samuel28-01.html

 O TEXTO BÍBLICO (1Sm 28)




"Quando a ciência se multiplicar, Jesus voltará". (Dn 12.4) A ciência já se multiplicou, Jesus está voltando. Você está preparado?